Serviço de Cremação: O que é?



A cremação é um serviço adicional que pode ser contratado por qualquer associado SAF. Mas, você entende o que é este processo para poder explica-lo a quem tem interesse em adquiri-lo? Então vamos a algumas informações básicas:

História

É considerado um dos mais antigos processos ou método de sepultamento. Em algumas civilizações era considerado corriqueiro e fazia parte do cotidiano da população, por se tratar de uma medida prática e higiênica. Na Grécia e em Roma era tratamento fúnebre dado apenas aos nobres. Com o passar dos anos, tornou-se em muitas comunidades de uso obrigatório, principalmente em casos de pessoas mortas por doenças contagiosas para um controle sanitário eficaz e eficiente, bem como para racionalizar e obter melhor uso da terra. Os cidadãos passaram a considerar normal cremar todos os mortos e todas as religiões passaram a recomendá-la. No Brasil, o primeiro crematório foi construído em São Paulo com o nome de Vila Alpina, em um parque de 4,7 mil metros quadrados e entrou em operação em 11 de agosto de 1974, com equipamentos modernos, fabricados na Inglaterra.

Manifestação de Vontade

Quanto às especificidades deste processo, precisa-se estar atento às questões legais. Há certos pré-requisitos associados à cremação por ser um processo irreversível, a começar pela certidão de óbito do falecido e a permissão de um médico legista. Além disso, se a pessoa não deixou sua vontade escrita e documentada,em vida, mediante assinatura da Manifestação de Vontade é preciso obter um formulário de autorização de cremação preenchido e assinado pelo parente mais próximo. No caso do associado SAF, este documento é disponibilizado no ato da contratação do serviço e autoriza a cremação em caso de óbito. Neste momento, você deve estar atento para responder ao contratante sobre:

Os prazos: a primeira coisa importante a saber é que a lei brasileira impede que um corpo seja cremado antes de 24 horas desde o falecimento. Como aqui no Brasil temos a cultura da rapidez dos rituais fúnebres post-mortem e é comum que o funeral seja feito o mais breve possível, esse tempo extra pode causar algum incômodo para as famílias.

Autorização e Atestado de Óbito: em caso de morte natural ou violenta, a autorização para a cremação exige que 2 médicos assinem o atestado de óbito. O falecimento fora do ambiente hospitalar requer que o médico que acompanhava o falecido forneça o atestado. Caso contrário, o corpo deve levado ao Instituto Médico Legal (IML). Em caso de morte violenta, é obrigatório encaminhar o falecido para o IML. A lei exige uma autorização judicial para o funeral, que pode ser obtida em cartórios ou juizados que funcionam 24 horas. Apenas pais, cônjuges, irmãos e filhos podem autorizar uma cremação.

A cerimônia: A cremação não substitui a cerimônia do velório. O Grupo SAF realiza todos os procedimentos quanto à preparação do corpo para o ritual. A cerimônia é conduzida normalmente e, uma vez encerrada, o corpo é trasladado para o crematório.Para os familiares e amigos, a cerimônia termina ali, mas a cremação propriamente dita pode ser feita horas ou dias depois. Até a colocação do caixão no forno, o corpo é mantido resfriado em geladeira. O corpo resfriado pode ser conservado por até 30 dias.

O forno crematório: Não há qualquer tipo de cerimônia de despedida no local do crematório e não é possível acompanhar o ato.o corpo é cremado individualmente no forno crematório a 900 graus centígrados e o processo dura entre 1 hora e meia e 3 horas. Qualquer metal que for levado com o corpo (jóias, acessórios, etc) desaparece a essa temperatura. A exceção são os eventuais marca-passos que tem que ser previamente retirados pois explodem no forno e as próteses de platina que, com a autorização da família, serão recolhidas das cinzas e encaminhadas a empresas de reciclagem de metais. Finda a cremação restam, entre as cinzas, fragmentos de ossos que serão processados em máquinas próprias e então misturados na urna entregue às famílias.

Feita de maneira correta, a cremação é o modo mais ecológico de morrer, já que a queima dos corpos libera apenas água e gás carbônico em pequenas quantidades. Já os resíduos tóxicos acabam retidos em filtros de ar. Além disso, através do processo, terrenos não são ocupados nem correm risco de contaminação. Segundo o site Planeta Sustentável, “uma pessoa com 70 quilos de massa se transforma em 1 ou 2 quilos de cinzas, enquanto sob a terra a decomposição pode durar até dois anos e deixar cerca de 13 quilos de ossos para a posteridade”.

As cinzas: Quem decide cremar um ente querido, geralmente, o faz para atender um pedido da pessoa falecida. Essa decisão costuma incluir o destino das cinzas que, conforme desejo do falecido, serão espargidas em locais com significado especial. Para isto família escolhe, além do caixão, que tipo de urna deseja para depositar as cinzas da pessoa. Hoje já são disponibilizadas, entre as opções de material, a urna hidrossolúvel em água doce ou salgada. Há também as biodegradáveis que incluem ou não sementes que germinarão no solo. Se os familiares não forem buscar as cinzas (o que ocorre em mais ou menos 10% dos casos) as urnas ficam em um cinerário, uma estante fechada. Alguns crematórios particulares não jogam fora as cinzas sob nenhuma hipótese. Se não forem recolhidas pela família serão mantidas ali para sempre.

O Grupo SAF entrega as cinzas em uma urna cinzária, em até 5 dias úteis, após a realização da cremação.

Mas e se o contratante depois do serviço prestado e destas informações te pedir sugestão do que fazer com as cinzas? É bom orientá-lo a se informar antes, sobre as possibilidades e os eventuais impedimentos dessa prática. As cinzas pesam de 2 a 3 quilos e podem ser divididas para os membros da família que as desejarem. Se o desejo do falecido for ter suas cinzas levadas para fora do país, esse ritual vai exigir uma urna própria para exportação e documentação específica para levá-la na viagem. É proibido espargir as cinzas em determinados lugares públicos como rios, lagos, praças e pontes. Existem empresas que podem ser contratadas para colocar a urna no fundo do mar com um geolocalizador. Outras podem dividir as cinzas em pingentes e também oferecem a transformação das cinzas em diamantes ou cristais.

Lembre-se que estar informado é cuidar de si, para cuidar do outro.

#Cremação

0 visualização

FUNERÁRIA 24 HORAS

ITABUNA  |  3212-1125

Av. Juca Leão, 272 - Centro.

ILHÉUS | 3633-5004

Av. Crispim Jorge Dias Carilo, 336 - Conquista.

ITAMARAJU | 3294-9264

Praça Castelo Branco, 528 - Centro.

OUTRAS UNIDADES

NOSSAS UNIDADES

ONDE ESTAMOS?

INSTITUCIONAL

NOSSOS PLANOS

ÁREA DO COLABORADOR

Espaço exclusivo para colaboradores do SAF.

ACOMPANHE

  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube

Grupo SAF ​© 2020 | Todos os direitos reservados

ORGANIZAÇÃO DE LUTO ITAJUÍPE | R Alvaro Farias Machado, 413, Alto Da Liberdade, Itajuipe, BA, CEP 45.630-000, Brasil |  CNPJ: 14.930.666/0001-53

DATA ESTIMADA DE ENTREGA: ATÉ 1 DIAS ÚTIL PARA ITABUNA E ILHÉUS.